Mudança de valores:
 Estratégias para “fintar” a recessão

2020 foi inesquecível e deu-nos uma perspetiva sobre o mundo e a humanidade única. Os negócios e respetivos empresários tiveram que lidar com um panorama incerto…que ainda não terminou. Perante esta dificuldade real e comum a todos os setores de atividade, a empresa de estudos de mercado WGSN lançou-se num artigo, fruto do contributo de todas as suas equipas globais de especialistas, para servir de “luz” nestes tempos “sombrios”.

A boa notícia para a ótica é que, segundo este estudo, os bens direcionados à saúde têm futuro promissor acima da crise. “Não poderíamos ter previsto a pandemia global do coronavírus, mas podemos prever as mudanças e o que fazer para se adaptar.” A Millioneyes disponibiliza aqui estratégias valiosas.

Há muitas tendências atuais que a WGSN previu ainda no pré-pandemia, como o crescimento dos adaptogénicos, as oportunidades no mundo virtual e no segmento de gaming e o foco no bem-estar, novidades que aceleraram durante a pandemia e chegaram ao mainstream. As equipas globais da analista de mercados debatem esses e muitos outros temas do “novo normal”, e embora existam desafios diferentes em cada região, a mesma pergunta surge naturalmente: o que nos espera? Apesar dos diversos níveis de retoma da economia em cada região, sabe-se que o estado emocional das pessoas é parecido. Todos querem certeza, estabilidade, segurança e um sentido de otimismo em tempos de incerteza. Esses sentimentos vão redefinir as economias, indústrias e rotinas diárias, resultando em novas prioridades de produto, necessidades de serviço e estratégias comerciais. Os próximos 18 a 24 meses serão críticos, e a resiliência será fundamental para “fintar” a recessão. Neste white paper, destacamos os cinco principais propulsores do consumidor, que influenciarão o desenvolvimento de novos produtos e serviços. Compreender este cenário ajudará na preparação do futuro dos negócios.

Leia a reportagem completa na Millioneyes 96.

No Comments Yet

Comments are closed